Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Bolsonaro: conversamos com Fernández para que gás da Argentina chegue ao Brasil

O presidente Jair Bolsonaro afirmou ter conversado com o presidente da Argentina, Alberto Fernandéz, para viabilizar acordo de fornecimento de gás do país ao Brasil. O encontro entre as autoridades aconteceu na Cúpula das Américas, da qual Bolsonaro participou ontem e hoje.

"Conversamos com o Fernandéz. Estamos trabalhando com muita ênfase nos últimos meses para que o gás da região de Vaca Muerta chegue ao Brasil", disse o presidente brasileiro durante transmissão nas redes sociais nesta sexta-feira, 10. Mais cedo, Bolsonaro afirmou que o acordo a Argentina está mantido, mas que não deixaria de importar gás da Bolívia.

"Brevemente, se Deus quiser, teremos gás da Bolívia", voltou a dizer durante a live desta noite. Segundo Bolsonaro, a compra junto ao governo boliviano pode ajudar a baratear o produto no Brasil.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Ao falar sobre a possibilidade de desabastecimento de combustíveis no mundo, o presidente afirmou que está faltando diesel em algumas províncias da Argentina. Ele voltou a declarar que, se dependesse do Brasil, "guerra na Ucrânia não teria nem começado". Bolsonaro tem culpado o conflito e os efeitos econômicos mundiais da pandemia pela escalada da inflação no País.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar