Participamos do

Roupas e acessórios são 72,7% das buscas por presentes de Natal em Fortaleza; veja lista

Estudo destaca que 52,3% dos consumidores de Fortaleza consideram a existência de promoções e sorteios nas lojas como fator decisivo para compra neste fim de ano
11:08 | Dez. 07, 2021
Autor Alan Magno
Foto do autor
Alan Magno Estagiário de jornalismo
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Em Fortaleza, os consumidores pretendem gastar em média R$ 427 na compra dos presente, e a grande maioria (59,5%) compara no mínimo três presentes. O Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento do Ceará (IPDC) revela ainda que roupas e acessórios são os principais produtos buscados pelos consumidores de Fortaleza para presentar alguém. Em segundo lugar, serão brinquedos, seguidos por artigos de couro.

O estudo conduzido pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Ceará (Fecomércio-CE) expressa ainda que os homens de modo geral gastarão R$ 503 neste fim de ano enquanto as mulheres devem gastar em média R$ 365 com a compra de presentes.

O volume financeiro total movimentado pela data em Fortaleza será de R$ 353 milhões, valor 10,8% maior do que em 2019, antes da pandemia. Mesmo com as expectativas positivas, o levantamento estima que 46,6% dos consumidores de Fortaleza não irão comprar presente este fim de ano e outros 6,5% ainda não se decidiram.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Neste contexto, além dos preços, a maior parte dos consumidores de Fortaleza estará em busca de promoções para realizar as compras de fim de ano. O estudo do IPDC destaca que 52,3% dos consumidores consideram a existência de promoções e sorteios nas lojas como fator decisivo no momento de escolher em qual estabelecimento realizar suas compras.

Para o fim de ano, os consumidores de Fortaleza darão preferencia aos shopping centers e centros comerciais. Tais locais representam 68,2% da preferência de consumo dos fortalezenses. O comércio de rua deverá ser a principal opção por 25,9% daqueles que querem comprar presentes neste Natal.

Em terceiro lugar na preferência dos consumidores da Capital, supermercados e hipermercados marcam 17,4% da intenção de compra. O Centro da Cidade e o comércio informal será a primeira opção para 15,6% daqueles que irão presentear alguém.

Confira lista dos produtos mais buscados para presentes no Natal deste ano:

  • Vestuário e acessórios - 72,7% da buscas totais na Capital
  • Brinquedos - 32%
  • Sapatos/Carteira/Cinto/Bolsas - 27%
  • Perfumaria/Cosméticos - 17,1%
  • Chocolates/Bombons - 8,4%
  • Celular/Smartphone/Tablet - 6%
  • Jóias/Relógios - 5,5%
  • Eletrodomésticos (Fogão/geladeira, micro-ondas etc) - 4,1%
  • Livros - 4%
  • Cesta Natalina - 3,9%
  • Bebidas (Vinho, champanhe, whisky etc) - 3%
  • Artigos esportivos - 2,5%
  • Eletroportáteis - 2,3%
  • Mochilas - 1,3%
  • Móveis/Artigos de decoração - 0,8%
  • Computador/Notebook - 0,5%
  • Aparelho de som e imagem (Televisão, aparelho de DVD) - 0,5%
  • Patins/Patinete/Skate/Bicicleta - 0,2%

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags