Participamos do

Movimento perde força: de 15 estados, apenas 5 ainda registram bloqueios de caminhoneiros

Apenas Bahia, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Santa Catarina permanecem com ocorrências de bloqueios parciais ou totais das vias
13:27 | Set. 09, 2021
Autor Alan Magno
Foto do autor
Alan Magno Estagiário do O POVO Online
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Em clima incerto e meio a críticas por parte de entidades sindicais, protestos de caminhoneiros que bloquearam vias em 15 estados brasileiros perde força. No começo da tarde desta quinta-feira, 9, caiu para cinco o número de estados que permanecem com vias federais bloqueadas pela ação dos manifestantes que, em discurso antidemocrático, pedem a destituição de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). 

Conforme boletim informativo do Ministério da Infraestrutura, até as 12h desta quinta, 9, apenas os estados da Bahia, do Maranhão, Minas Gerais, de Mato Grosso do Sul e Santa Catarina permanecem com ocorrências de bloqueios parciais ou totais das vias. 

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Em nota, a pasta destaca que a Polícia Rodoviária Federal (PRF) segue atuando para minimizar os impactos dos protestos e liberar totalmente as vias. 

Os estados de Rio Grande do Sul, Paraná, Espírito Santo, Mato Grosso, Goiás, Tocantins, Rondônia, Pará e Roraima, que até a manhã de hoje, estavam com rodovias paralisadas, tiveram o tráfego liberado. Porém, o fluxo de produtos e mercadorias escoa em ritmo lento nas regiões citadas em virtude da abordagem feita a todo veículo de carga. 

A abordagem ocorre em diversos pontos das rodovias, tanto por parte das forças de segurança, quanto por parte de manifestantes que permanecem reunidos nas margens das BRs dos estados. Ao todo, dois mil agentes da PRF encontram-se em operação conjunta para debelar os bloqueios das vias. 

"A PRF encontra-se em todos os locais identificados e permanece trabalhando pela garantia do livre fluxo nas rodovias federais, viabilizando o escoamento da produção assim como o direito de ir e vir dos motoristas e usuários", afirma a entidade. 

Em articulação com os manifestantes, foram criados 12 corredores logísticos em nove estados para atuarem como vias de escoamento de mercadoria para garantir o abastecimento no País. 

Veja onde estão localizados os corredores logísticos para escoamento de mercadoria

  • BR-040/Minas Gerais
  • BR-116/Rio de Janeiro (Dutra/Barra Mansa)
  • BR-040/Rio de Janeiro (Reduc)
  • BR-101/Espírito Santo
  • BR-376/Paraná
  • BR-153/Goiás (Anápolis)
  • BR-116/Bahia (Feira de Santana)
  • BR-101/Bahia
  • BR-101/Sergipe
  • BR-101/Pernambuco (Igarassu)
  • BR-116/Rio Grande do Sul (Vacaria)
  • BR-392/Rio Grande do Sul (Pelotas)

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags