PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Correção: Austrália mantém juro básico, mas vai reduzir QE a partir de setembro

07:53 | 06/07/2021

A nota publicada anteriormente contém uma incorreção no primeiro parágrafo. O BC australiano decidiu reduzir as compras semanais de seu programa de relaxamento quantitativo (QE, pela sigla em inglês) de 5 bilhões de dólares australianos para 4 bilhões de dólares australianos, e não como constou originalmente. Segue versão corrigida.

O Banco Central da Austrália (RBA, na sigla em inglês) decidiu nesta terça-feira (6) manter a taxa básica de juros na mínima histórica de 0,10% e a meta de rendimento do bônus soberano de três anos do país também em 0,10%. O comunicado, contudo, trouxe uma novidade: a redução do programa de relaxamento quantitativo (QE, pela sigla em inglês) de 5 bilhões de dólares australianos para 4 bilhões de dólares australianos (cerca de US$ 3 bilhões) por semana a partir de setembro.

O programa de compras de títulos será mantido na faixa supracitada até "meados de novembro", nas palavras do dirigente da autoridade, Philip Lowe, quando haverá uma nova revisão da ferramenta de estímulo econômico. A decisão de reduzir o QE é uma resposta à recuperação econômica da Austrália após o choque da covid-19, diz o comunicado.

Com poucas mudanças em relação ao de junho, o comunicado de política monetária de julho ainda reforçou que o RBA descarta alta de juros antes de 2024 e que as condições "altamente acomodatícias" serão mantidas até que haja o retorno ao pleno emprego na Austrália e uma inflação "consistente com a meta" de 2 a 3% ao ano.