PUBLICIDADE
Economia
Noticia

Recursos do FNE devem financiar modernização de rádios e TVs no Ceará

Acordo de cooperação técnica assinado pelo Banco do Nordeste e Acert busca facilitar o acesso das empresas às linhas de crédito

16:27 | 31/05/2021
Uma das possibilidades de acesso aos recursos é financiamento de novos produtos ou serviços, que seriam levados ao espectador (Foto: VALTER CAMPANATO)
Uma das possibilidades de acesso aos recursos é financiamento de novos produtos ou serviços, que seriam levados ao espectador (Foto: VALTER CAMPANATO)

As emissoras de rádio e televisão cearenses devem ter no Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) uma fonte de recursos para promover a modernização, segundo informou o Banco do Nordeste na tarde desta segunda-feira. O presidente da instituição, Romildo Rolim, esteve reunido com Carmen Lúcia Rocha Dummar, presidente da Acert - associação que representa o setor - para assinatura de um acordo de cooperação técnica.

"O objetivo do acordo é implementar ações conjuntas com foco na realização de negócios que financiem máquinas e equipamentos para modernização das emissoras de rádio e televisão e suas concessionárias, no Estado do Ceará", diz o comunicado do BNB.

Como exemplo, o Banco citou o FNE Sol, pelo qual as emissoras podem financiar a instalação de placas solares que garantam maior confiabilidade energética à empresa com prazo de até 12 anos para quitar a dívida e até 6 meses de carência.

Inovação em produtos, serviços e até processos e métodos organizacionais são dados como exemplo pelo BNB para as emissoras terem acesso ao FNE Inovação, cujo prazo de quitação é de até 15 anos, "incluídos os 5 anos de carência".

Ao lograr sucesso, a cooperação entre o Banco do Nordeste e a Acert deve beneficiar 8 emissoras de televisão sediadas em Fortaleza e 140 emissoras de rádio AM e FM, das quais 23 estão instaladas na capital cearense.