PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Fluxo cambial total em 2021 até 1º de abril é positivo em US$ 7,648 bi, diz BC

15:24 | 07/04/2021

O fluxo cambial total do ano de 2021 até 1º de abril foi positivo em US$ 7,648 bilhões, informou nesta quarta-feira, 7, o Banco Central. No mesmo período de 2020, o resultado havia sido negativo em US$ 12,346 bilhões.

Em 2021 ate 1º de abril, a entrada líquida de dólares pelo canal financeiro foi de US$ 1,287 bilhão. Este resultado é fruto de aportes no valor de US$ 138,299 bilhões e de envios no total de US$ 137,012 bilhões. O segmento reúne investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

No comércio exterior, o saldo acumulado ficou positivo em US$ 6,361 bilhões, com importações de US$ 51,323 bilhões e exportações de US$ 57,684 bilhões. Nas exportações estão incluídos US$ 7,328 bilhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 16,355 bilhões em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 34,000 bilhões em outras entradas.

Março

Depois de registrar entradas líquidas de US$ 4,358 bilhões em fevereiro, o País fechou março com fluxo cambial também positivo de US$ 1,568 bilhão, informou o Banco Central.

No canal financeiro, houve saída líquida de US$ 3,674 bilhões em março, resultado de aportes no valor de US$ 56,262 bilhões e de retiradas no total de US$ 59,936 bilhões.

No comércio exterior, o saldo ficou positivo em US$ 5,242 bilhões, com importações de US$ 16,183 bilhões e exportações de US$ 21,425 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 3,637 bilhões em ACC, US$ 4,433 bilhões em PA e US$ 13,355 bilhões em outras entradas.

Semanal

O fluxo cambial da semana passada (de 29 de março a 1º de abril) ficou positivo em US$ 1,973 bilhão, informou o Banco Central. A semana passada teve um dia útil a menos em função do feriado de 2 de abril (Sexta-feira Santa).

O canal financeiro registrou na semana passada saída líquida de US$ 255 milhões. Isso foi resultado de aportes no valor de US$ 8,481 bilhões e de envios no total de US$ 8,736 bilhões.

No comércio exterior, o saldo ficou positivo em US$ 2,228 bilhões no período, com importações de US$ 3,116 bilhões e exportações de US$ 5,344 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 793 milhões em ACC, US$ 1,947 bilhão em PA e US$ 2,605 bilhões em outras entradas.