PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Guaranys: quanto mais rápido vacina acontecer, mais rápido a economia se recupera

16:15 | 16/12/2020

O secretário-executivo do Ministério da Economia, Marcelo Pacheco dos Guaranys, destacou nesta quarta-feira, 16, a importância de que vacina contra a covid-19 comece a ser aplicada o quanto antes para que a retomada da economia seja mais rápida.

"Com a vacina a população vai sentir mais segura e com isso a economia irá se recuperar mais rapidamente. Temos feito de tudo para prover todos os recursos necessários para a vacinação. Todos temos trabalhado dia e noite para fazer isso acontecer. A vacina é complexa, será uma logística muito grande, e queremos ter a garantia de que isso vai ocorrer bem. Quanto mais rápido isso acontecer, mais rápido a economia irá se recuperar", acrescentou, no evento de lançamento do Relatório Econômico de 2020 da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) sobre o Brasil.

Mais cedo, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, voltou a afirmar que a vacinação contra a covid-19 deve ser iniciada no País em "meados de fevereiro". Para este cronograma, ele considerou que os dois laboratórios nacionais que participam do desenvolvimento de vacinas, Fiocruz e o Instituto Butantã, devem apresentar ainda em dezembro os dados finais de pesquisa de seus imunizantes e pedir o registro do produto na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

O governo está sob pressão para antecipar esse calendário. O Reino Unido e os Estados Unidos já começaram a aplicar as doses, ainda que em grupos restritos e com autorização de uso emergencial das vacinas. Além disso, o governador de São Paulo, João Doria, desafeto do presidente Jair Bolsonaro, afirma que começará a campanha no seu Estado em 25 de janeiro, ainda que os dados finais da Coronavac sejam desconhecidos.