PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Sondagem da Abinee mostra 75% das empresas do setor esperado crescimento em 2021

13:03 | 10/12/2020

Uma sondagem feita pela Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee) mostra que para 75% das empresas pesquisadas as vendas e encomendas do setor devem crescer em 2021. Para 22%, haverá estabilidade e para apenas 3%, queda.

O último Índice de Confiança do Setor Eletroeletrônico (ICEI) divulgado pela Abinee, em novembro, atingiu 62,9 pontos. Acima de 50 pontos, o ICEI indica confiança do empresário. "Estamos encerrando 2020 com um Índice de Confiança positivo e superior ao do ano passado", observa o presidente da Abinee, Humberto Barbato. Em novembro de 2019, o ICEI havia alcançado 61 pontos.

Considerando a projeção de crescimento do PIB de 3,5% e inflação em torno de 3,3% ao ano em 2021, o setor eletroeletrônico espera um crescimento nominal de 12% e avanço real de 7% no faturamento, que deve alcançar R$ 194 bilhões.

A Abinee também projeta elevação de 6% na produção e aumento de 3% no nível de emprego, que deve passar de 243 mil para 249,5 mil trabalhadores. As exportações devem crescer 7%, para US$ 4,7 bilhões, e as importações, 10%, para US$ 31,6 bilhões.