PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

BNB investe R$ 4,3 bilhões em micro e pequenos negócios; melhor performance da história

A instituição superou números de 2019 em quase 30% e bateu recorde de operações com MPEs. Valor médio das operações é de R$ 102,6 mil

18:50 | 08/12/2020
BNB bateu recorde de aporte em micros e pequenas empresas (MPE). (Foto: Mauri Melo)
BNB bateu recorde de aporte em micros e pequenas empresas (MPE). (Foto: Mauri Melo)

O Banco do Nordeste (BNB) anunciou que bateu um recorde histórico de investimentos em micro e pequenas empresas (MPEs), com aporte de R$ 4,3 bilhões. O BNB superou os números de 2019 em quase 30%. Foram 46,9 mil operações, com valor médio de R$ 102,6 mil.

Somente no Ceará, foram 7,8 mil operações, que representam aporte de R$ 740,1 milhões, alta de 21,9% nos valores e de 6,8% na quantidade de operações realizadas. As comparativas são em relação a igual período do ano passado.

De acordo com projeções do Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene) do BNB, essas contratações poderão gerar impacto de R$ 1,5 bilhão na massa salarial e arrecadação de tributos da ordem de R$ 690,8 milhões. Ainda entre os impactos positivos dos recursos, a perspectiva é de que as contratações no segmento gerarão R$ 8,4 bilhões no Valor Bruto da Produção e R$ 4,8 bilhões no Valor Agregado/Renda.

As micro e pequenas empresas constituem atualmente, no Banco do Nordeste, uma carteira com mais de 200 mil clientes. Os recursos são oriundos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), por meio do Programa de Financiamento às Microempresas, Empresas de Pequeno Porte e ao Empreendedor Individual (FNE MPE), e de recursos próprios. As contratações beneficiaram os nove estados do Nordeste e o norte de Minas Gerais e do Espírito Santo, área de atuação do BNB.

Mesmo em ano de pandemia, o desempenho do BNB superou quase 30% o realizado entre janeiro e novembro de 2019. No período, foram investidos em MPEs R$ 3,3 bilhões com fontes do FNE e recursos próprios, para o total de 39,7 mil operações.