PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Setor externo tem superávit de US$ 3,721 bi em agosto, revela Banco Central

10:28 | 23/09/2020

Após o superávit de US$ 1,628 bilhão em julho, o resultado das transações correntes ficou positivo em agosto deste ano, em US$ 3,721 bilhões, informou nesta quarta-feira o Banco Central (BC). Este é o melhor resultado para meses de agosto na série histórica do BC, iniciada em 1995.

Os dados refletem os efeitos da pandemia do novo coronavírus, que a partir de março se intensificou no Brasil, reduzindo o volume de importações de produtos. A autarquia projetava para o mês passado superávit de US$ 2,2 bilhões na conta corrente.

A balança comercial registrou saldo positivo de US$ 5,960 bilhões em agosto, enquanto a conta de serviços ficou negativa em US$ 1,346 bilhão. A conta de renda primária também ficou deficitária, em US$ 1,188 bilhão. No caso da conta financeira, o resultado ficou positivo em US$ 3,964 bilhões.

No acumulado do ano até agosto, o rombo nas contas externas soma US$ 8,539 bilhões. A estimativa atual do BC é de déficit em conta corrente de US$ 13,9 bilhões em 2020. Este cálculo, no entanto, será atualizado amanhã por meio do Relatório Trimestral de Inflação (RTI).

Nos 12 meses até agosto deste ano, o saldo das transações correntes está negativo em US$ 25,446 bilhões, o que representa 1,64% do Produto Interno Bruto (PIB). Este é o menor porcentual desde junho de 2018 (1,49%).