PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Presidente do BC prevê sistema de pagamentos instantâneos até fim de 2020

11:22 | 06/11/2019
O presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, destacou nesta quarta-feira, 6, durante audiência pública na Câmara dos Deputados, duas iniciativas da instituição que estão em andamento, com foco no mercado bancário: o open banking e o sistema de pagamentos instantâneos.
Ao tratar do open banking - que trata da disponibilização dos dados dos clientes entre as diferentes instituições -, Campos Neto afirmou que isso vai gerar competição no mercado. "Hoje os donos dos dados são os bancos. O open banking vai obrigar o banco a abrir os dados quando ele quiser. É um movimento grande que estamos fazendo para gerar competição", afirmou Campos Neto.
O presidente do BC disse ainda que o sistema de pagamentos instantâneos permitirá operações sete dias por semana, 24 horas por dia. Assim, haverá menos demanda por dinheiro vivo nas transações.
Campos Neto afirmou ainda que o sistema de pagamentos instantâneos deve ser lançado no Brasil até o fim do ano que vem.
"O Fed Federal Reserve acabou de anunciar que terá um sistema de pagamento instantâneo em 2023 ou 2024. Nós teremos em 2020", pontuou Campos Neto.