PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Mercado Livre amplia malha logística e cria pontos de retirada de encomendas

22:42 | 09/09/2019
O Mercado Livre anunciou nesta quinta-feira a ampliação de sua malha logística e a criação de pontos de retirada de encomendas de marketplace na cidade de São Paulo.
Em coletiva durante o evento Mercado Livre Experience, os cofundadores da empresa, Stelleo Tolda e Marcos Galperin, e representantes da empresa afirmaram que o Mercado Livre inaugurou um CD de Fulfillment na cidade de Cajamar, em São Paulo.
"Atualmente, cerca de 30% de todas as entregas são realizadas por meio da nossa malha logística. Há um ano, eram apenas 5%", afirmou o vice-presidente de Mercado Envios para a América Latina, Leandro Bassoi. "Também estamos avançando no porcentual de entregas em até dois dias. Atualmente, 60% das entregas feitas por Fulfillment ocorrem nesta prazo."
O Mercado Livre já conta com um CD na cidade de Louveira, em São Paulo, e três centros de Cross Docking também no estado paulista, com uma malha logística de mais de 200 mil metros quadrados.
A empresa anunciou também, durante o evento, o programa Places, ainda em fase piloto e com foco na capital de São Paulo. Com o Places, locais habilitados pelo Mercado Livre vão receber pacotes de vendedores do marketplace. "Os produtos são retirados pela equipe de Cross-Docking da empresa, que dá seguimento ao envio ao consumidor de forma mais rápida", afirmaram representantes da empresa.
"Queremos entregas mais rápidas com menos custos. Temos conseguido, dentro do marketplace, uma conversão melhor em vendas, por meio da experiência do cliente", disseram representantes do Mercado Livre.
O programa Places será feito pelo Mercado Livre em parceria com a empresa Kangu, que atuará como agregadora dos pontos físicos.