PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Comércio no varejo cearense mantém progressão em maio, diz pesquisa

A Pesquisa Mensal do Comércio indicou uma progressão nos últimos três meses. Em março, avançou 0,1%; em abril, 0,2%; maio mantém o mesmo índice de crescimento, fechando em 0,3%

21:40 | 11/07/2019
O setor que mais se destacou foi o de móveis e eletrodomésticos, que apresentou avanço de 25,4%
O setor que mais se destacou foi o de móveis e eletrodomésticos, que apresentou avanço de 25,4%(Foto: Fábio Lima/O POVO)

Os dados da Pesquisa Mensal do Comércio (PMC) de maio foram divulgados nesta quinta-feira, 11. A pesquisa, de autoria do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), indica que o comércio no varejo cearense manteve o mesmo índice de crescimento dos dois meses anteriores, fechando em 0,3%.

O comércio varejista ampliado manteve um crescimento bem maior, fechando em 6,8% no mês de maio.

Dentre o comércio varejista, o setor que mais se destacou foi o de móveis e eletrodomésticos, que apresentou avanço de 25,4%. No comércio varejista ampliado, a maior alta foi de material de construção, com 25,1%.

A maior queda - incluindo comércio varejista e comércio varejista ampliado - foi registrado no setor de livros, jornais, revistas e papelarias, com significativos -21,7%.

Setores que apresentaram alta

- Móveis e eletrodomésticos 25,4

- Material de construção 25,1 (Comércio Varejista Ampliado)

- Veículos, motocicletas, partes e peças 22,9 (Comércio Varejista Ampliado)

- Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos 3,3

- Tecidos, vestuário e calçados 2,0

Setores que apresentaram baixa

- Livros, jornais, revistas e papelaria -21,7

- Equipamentos e materiais para escritório, informática e comunicação -11,9

- Combustíveis e lubrificantes -9,3

- Hipermercados e supermercados -5,9

- Hipermercados, supermercados, produtos alimentícios bebidas e fumo -3,9

- Outros artigos de uso pessoal e doméstico -4,2

Brasil

À nível nacional, o volume de vendas do varejo ficou praticamente estável frente a abril. A variação foi de -0,1%. A média móvel trimestral variou -0,1% e também mostrou estabilidade em relação ao trimestre encerrado em abril (-0,1%).

O volume de vendas do comércio varejista ampliado, que inclui as atividades de Veículos, motos, partes e peças e de Material de construção, teve acréscimo de 0,2% em relação a abril de 2019.

Redação O POVO Online