PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Presidente da Comissão Especial da Previdência abre sessão e se diz otimista

10:26 | 04/07/2019
O presidente da Comissão Especial que analisa a proposta da reforma da Previdência, Marcelo Ramos (PL-AM), abriu, nesta manhã de quinta-feira, 4, a sessão em que se retomará o processo de votação do relatório do deputado Samuel Moreira (PSDB-SP). A sessão estava prevista para às 9h desta quinta-feira (4), mas houve atraso e ela foi aberta por volta das 10h, quando atingiu o quórum necessário. Naquele momento, o painel do plenário registrava 30 presenças.
O presidente da comissão, Marcelo Ramos (PL-AM), prevê que o relatório deve ser votado ainda na parte da manhã. O deputado afirmou também a jornalistas que nenhum destaque de bancada foi retirado ainda, e que não há acordo para acelerar a apreciação destes destaques. São nove destaques da oposição e 16 de partidos do Centro e da base. "Devemos votar tudo hoje (quinta) na comissão, estou otimista", disse.
O relator da reforma da Previdência, Samuel Moreira (PSDB-SP), também já chegou à sala. Na sessão, a comissão retomará o processo de votação do relatório de Moreira. Assim que a sessão começar, o presidente deverá colocar em votação um requerimento da oposição para a retirada do relatório de pauta. O instrumento é usado para obstruir a análise do texto, mas deve ser rejeitado pela maioria.
Em seguida, a comissão analisará o texto-base do relatório, que não pode mais ser modificado, e depois os destaques apresentados. Poderá ocorrer, no entanto, pedidos para inverter essa ordem.
Na quarta-feira, o presidente havia dado um prazo até às 10h desta quinta-feira para que partidos apresentassem destaques, que são instrumentos para alterar pontos específicos do texto.

Agência Estado