PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Salário médio de admissão teve queda real de 0,64% em maio

15:45 | 27/06/2019
O salário médio de admissão nos empregos com carteira assinada teve queda real de 0,64% em maio de 2019 ante o mesmo mês de 2018, para R$ 1.586,17, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Na comparação com abril, houve pequena alta de 0,08%, informou o Ministério da Economia.
O maior salário médio de admissão em maio ocorreu na extrativa mineral, com R$ 2.426,42, puxado pelos salários da Petrobras. Já o menor salário médio de admissão foi registrado na agropecuária, com R$ 1.284,83.
Contrato intermitente
Os dados do Caged mostram a criação líquida de 7.559 empregos com contrato intermitente em maio.
De acordo com os dados do Ministério da Economia, o emprego intermitente registrou admissão total de 12.780 trabalhadores no mês passado, ao mesmo tempo em que houve 5.221 demissões.
Houve ainda a abertura de outras 1.377 vagas pelo sistema de jornada parcial. As duas novas modalidades foram criadas pela reforma trabalhista.
O Caged informou ainda que houve 19.080 desligamentos por acordo no mês de maio.

Agência Estado