PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Brasil começa Cannes Lions 2019 com 24 Leões

07:14 | 18/06/2019
O Brasil começou o Cannes Lions - Festival Internacional de Criatividade de 2019 com um total de 24 Leões nas cinco categorias que revelaram seus resultados ontem. O País obteve pelo menos um prêmio em cada uma das categorias. O melhor resultado foi em Outdoor (mídia externa), na qual ficaram concentrados 11 Leões - incluindo três de prata.
Em dois dos casos, os prêmios foram para iniciativas que provocaram a concorrência. Um foi a campanha da agência David Brasil para o Burger King, na qual os clientes que acessavam o aplicativo da rede de fast-food eram encorajados a queimar virtualmente um anúncio da McDonald’s, líder de mercado e principal concorrente. Em troca, ganhavam um Whopper - sanduíche "símbolo" da marca.
A campanha, lançada em março, fez a David Brasil ficar preparada para receber ações judiciais da concorrente, conforme informou ao Estado Rafael Donato, vice-presidente da agência David, na época. O McDonald’s, por seu turno, diz que a campanha do Burger King acabou beneficiando a rede, que teve alta nas vendas durante a ação. A líder em fast-food chegou a tentar a inscrever a campanha do Burger King em seu nome, mas Cannes Lions não aceitou a ideia.
As outras duas pratas foram para uma campanha da Grey para a Volvo, que buscava conquistar os clientes de carros a diesel de outras marcas para o XC 60, da sueca, e para Akqa São Paulo, que fez uma campanha para a Nike com modelos criados por grafiteiros de São Paulo. A categoria ainda rendeu oito bronzes ao País.
Em Print & Publishing, dedicada à mídia impressa, foram cinco Leões. Dois de prata, ambos para a Africa - um para uma ação para a editora E-Galaxia e outro para a AB InBev - e outros três bronzes. Já em Design, foram dois Leões, ambos de bronze: Wunderman/Thompson e GTB Brasil (Ford) e Africa (Unesco).
Na área de saúde, as premiações do evento paralelo Lions Health renderam seis premiações ao País. Duas pratas e três bronzes na categoria Health & Wellness (saúde e bem-estar) e um bronze para a categoria Pharma, dedicada a tratamentos de saúde e medicamentos.
As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Agência Estado

TAGS