PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

'Vamos vender ativos, mensagem é clara', diz Guedes

18:21 | 08/04/2019
O ministro da Economia, Paulo Guedes, defendeu a venda de ativos do Estado para enxugar a máquina pública. Vamos vender ativos, a mensagem é clara", disse ele, afirmando que o governo tem atualmente 700 mil imóveis. Ele falou ainda sobre participação em estatais para reduzir a dívida. "Os juros da dívida são inaceitáveis, todos os economistas brasileiros viraram banqueiros", completou.
Durante palestra promovida pelos jornais O Globo e Valor Econômico nesta tarde em Brasília, Guedes disse que pediu que o Executivo vendesse a própria casa em que mora atualmente. A residência era do ministro da Fazenda no governo anterior, mas já havia sido colocada à venda ainda no governo Michel Temer.
O ministro voltou a falar sobre a reforma da Previdência e disse que só não adotou as mudanças defendidas pelo economista Armínio Fraga porque quer "uma viagem mais longa em direção a capitalização".
Ele afirmou ainda que 50% do funcionalismo federal se aposenta nos próximos cinco anos e que, com isso, haverá redução no número de servidores, que só serão repostos pontualmente. "Travamos concurso público, vai desidratar pela metade por aposentadoria", disse.

Agência Estado