PUBLICIDADE
Economia
fraport

Iniciadas as obras de expansão do Aeroporto de Fortaleza; reforma deve ser concluída em 2020

De acordo com o governador Camilo Santana (PT), serão investidos R$ 800 milhões na obra, que estava prevista para a Copa do Mundo de 2014

11:22 | 19/06/2018
(Foto: Gustavo Simão/ Especial para O POVO)
Em cerimônia realizada na manhã desta terça-feira, 19, a Fraport iniciou oficialmente as obras de expansão do Aeroporto Internacional Pinto Martins com o lançamento da pedra fundamental. Com realização do consórcio Método e Passarelli, o prazo de conclusão é maio de 2020. Representantes das empresas construtoras estavam presentes na solenidade, além do governador Camilo Santana (PT) e do prefeito Roberto Cláudio (PDT).
O lançamento foi anunciado por Andreea Pal, presidente da Fraport. "Esta obra não seria possível sem apoio da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), do Governo do Estado e da Prefeitura de Fortaleza", indicou. Durante a obra, o terminal de passageiros será expandido, bem como a pista de pouso e decolagem e a adequação do sistema viário aos padrões internacionais.

De acordo com o governador, serão investidos R$ 800 milhões na obra, que está para ser feita desde a Copa do Mundo de 2014. "Hoje estamos consolidando mais um passo para transformar o Aeroporto de Fortaleza em um grande centro de conexões com o mundo. Será um aeroporto mais moderno, bonito e confortável, à altura de grandes centros", afirmou Camilo Santana.

Camilo ainda agradeceu à equipe da Fraport e apontou que eles foram "a melhor empresa já escolhida" para gerir o Pinto Martins, e citou que resultados já estão sendo sentidos. "Antes tínhamos somente oito voos internacionais por semana, e para o fim deste ano estamos na expectativa de chegar a 50 voos semanais. Mais conexões significam mais oportunidades de emprego para o cearense, mais turismo e mais passageiros para ajudar no crescimento do Estado e de Fortaleza", pontuou.
 

Com informações da repórter
Irna Cavalcante 

MATHEUS FACUNDO