PUBLICIDADE
Notícias

Postos de combustíveis aumentam preço da gasolina em Fortaleza para R$ 4,38

O POVO Online verificou o preço em diversos postos de combustíveis da Cidade; gasolina aumentou para R$ 4,38 em média

10:50 | 07/03/2018
NULL
NULL
[FOTO1]Os motoristas da Capital foram surpreendidos nesta terça-feira, 6, com o aumento do preço da gasolina nos postos de combustíveis. O reajuste feito pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) e repassado aos postos fez com que o preço subisse ao decorrer do dia.
 
O preço médio averiguado pelo O POVO Online nos postos variou de R$ 4,37 a R$ 4,39. Em alguns locais, somente a gasolina apresentou aumento de preço.
 
Segundo Katerine Pereira Mendonça, subgerente do Posto Glória (bandeira branca), os frentistas receberam a notícia do aumento por meio do supervisor do posto no fim da tarde. O posto foi um dos últimos da região sul da cidade a aumentar o preço do combustível. "Uma fila de carros se formou para abastecerem com a gasolina com o preço mais baixo", relata.
 
[SAIBAMAIS]Próximo dali, o Posto Tetra, de bandeira Shell, o preço foi reajustado desde as 10 horas da manhã. A cliente do posto Ively Almeida reclamou do aumento criticando a política economica do governo. "Não concordo (com o aumento), está superinflacionado".
 
"O consumidor fica à mercê: ou coloco ou não saio de casa, pois o carro é uma necessidade", disse Ively, que é formada em economia.
 
Thiago Lima, gerente do posto, revela que com os recentes aumentos, como alternativa para não perder clientes, adotou um plano de fidelidade que dá ao cliente descontos de seis a dez centavos no litro do combustível.
 
Segundo alguns clientes que abasteciam, os postos de combustíveis da BR-116 foram os primeiros a aumentar o preço. Com isso, alguns clientes decidiram buscar por postos que ainda não haviam modificado o preço.
 
[FOTO2] 
 
Na avenida Alberto Craveiro, o posto Sete Carioca, de bandeira BR, a gasolina era vendida à R$ 3,97 antes das 15 horas, quando o reajuste foi passado aos clientes, que precisaram pagar R$ 4,37 pelo litro do combustível. "Nem os funcionários sabiam do aumento" revelou o frentista Nailton Lucena. Nailton ainda disse que uma fila de carros se formou para abastecer com preço mais barato.
 
Preços mais baixos
 
Nos postos do bairro José Bonifácio, ainda nãohaviam sido registrados aumentos de preços até a noite de terça-feira. Postos de bandeira Shell e BR no bairro permaneciam com o preço de R$ 3,87 e R$ 3,97, respectvamente.
 
Segundo um fretista que não se identificou, no posto Petrocar, de bandeira Shell, no bairro José Bonifácio, ontem pela manhã o estoque de combustível do posto foi renovado sem aumento de preço. Segundo ele, não existe previsão de aumento para esta quarta-feira, 7, no local, que fica na rua Felino Barroso.
TAGS