PUBLICIDADE
Notícias

Procon Fortaleza autua cinco sites de comércio eletrônico na Black Friday

Preços de diferentes produtos em 24 sites estavam sendo monitorados há dois meses. Consumidores podem continuar denunciando

14:46 | 27/11/2017
NULL
NULL

[FOTO1] 

O Departamento Municipal de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon Fortaleza) registrou cinco infrações às normas do Código de Defesa do Consumidor (CDC), durante a Black Friday deste ano. Processo administrativo foi instaurado contra as cinco empresas de vendas online para apurar publicidade abusiva ou enganosa e o não cumprimento da oferta. As multas podem chegar a R$ 11 milhões.

De acordo com o Procon, preços de diferentes produtos em 24 sites estavam sendo monitorados há dois meses. O órgão alerta que os consumidores podem continuar denunciando e também desistir de compras feitas pela internet, em até sete dias da data do recebimento do produto, sem nenhuma justificativa. O CDC assegura o "direito de arrependimento" nas compras fora das lojas físicas.

Este ano, o número de denúncias em lojas físicas subiu de dois para oito, segundo os dados do Procon Fortaleza. Já as denúncias em sites eletrônicos diminuiu, pois no ano passado foram contabilizadas seis autuações.

A diretora do Procon Fortaleza, Cláudia Santos, avalia que esse aumento em ambiente online significa que o consumidor parece ter buscado realizar mais compras fora da internet.

Denúncias
Os clientes podem denunciar infrações no portal da Prefeitura de Fortaleza; pela Central de Atendimento 151 (no horário comercial); ou pelo aplicativo Procon Fortaleza.

Redação O POVO Online
Com informações do Procon Fortaleza

TAGS