PUBLICIDADE
Notícias

Exportações de café no Brasil sofrem queda de 7,4% em 2016/17

Já a receita com os embarques e o preço da saca tiveram alta no período

22:02 | 12/07/2017
As exportações totais de café pelo Brasil totalizaram 32,90 milhões de sacas de 60 kg no ano-safra 2016/17, encerrado no último dia 30 de junho, queda de 7,4% na comparação com o mesmo período de 2015/16. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira, 12, pelo Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé). O Brasil é o maior exportador do produto para o mundo.

A receita com os embarques de café foi de 5,64 bilhões de dólares no ciclo 2016/17, alta de 5% na comparação com o período anterior. Já o preço da saca exportada atingiu uma média de 171,48 dólares em 2016/17, crescimento de 13,4% em relação a 2015/16.

"Atingimos praticamente 33 milhões de sacas, um número que revela a influência dos fatores climáticos nos últimos dois anos, em que especial na produção de café conilon. Se somarmos esse volume às cerca de 20 milhões de sacas para consumo interno, temos um total de 53 milhões de sacas de café brasileiro, o equivalente a um terço do consumo mundial", disse o presidente do Cecafé, Nelson Carvalhaes.

Ele ainda disse que espera que o setor recupere a melhor performance na entrada da safra 2016/17. Carvalhes destacou que a expectativa é que a retomada aconteça até o fim deste ano.
 
 
Redação O POVO Online 
TAGS