PUBLICIDADE
Notícias

Vendas parceladas diminuem 5,5% no período do Dia das Mães

É o quarto ano consecutivo que o comércio apresenta retração no volume de vendas nesta data, aponta o estudo

11:53 | 15/05/2017
O volume de vendas parceladas no período do Dia das Mães (entre 7 e 13 de maio)caiu 5,50% na comparação com o mesmo período do ano passado, de acordo com a pesquisa divulgada nesta segunda-feira, 15, pelo SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito) e pela CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas). É o quarto ano consecutivo que o comércio apresenta retração no volume de vendas nesta data, aponta o estudo.
 

Segundo o levantamento, o  recuo de 2017 vem após uma forte queda de 16,40% em 2016, demonstrando um impacto mais comedido. Para o presidente da CNDL, Honório Pinheiro, o comércio vendeu menos a prazo, mas não significa que o brasileiro deixou de comprar presentes para a data. “Os consumidores estão mais preocupados em não comprometer o próprio orçamento com compras parceladas, por isso optaram por presentes mais baratos e geralmente pagos à vista”, explica.
 

O data comemorativa do Dia das Mães é a segunda mais importante em volume de venda para o varejo, ficando atrás apenas do Natal. "O resultado negativo com menos intensidade que em 2016, reflete a tendência de desaquecimento das vendas no varejo observado desde o ano passado, em virtude do cenário econômico desfavorável, com crédito mais caro, inflação ainda elevada e altas taxas de desemprego”, analisa o presidente do SPC Brasil, Roque Pellizzaro.
 
 
Redação O POVO Online 

TAGS