PUBLICIDADE
Notícias

Rede hoteleira do Ceará apresenta alta na média de preços

De acordo com a TripAdvisor, os hotéis cearenses subiram a média de preços em 7% nos últimos três anos

12:20 | 15/12/2016
NULL
NULL
[FOTO1]A Tripeadvisor, site de planejamento e reserva de viajens, divulgou um estudo que apontou que o Ceará teve uma alta no preço médio dos hotéis nos últimos três anos. Segundo dados da pesquisa, o  aumento foi de 8% em relação ao ano passado e de 7%  na comparação com 2014. A pesquisa coletou custos de diárias de hotéis de janeiro a novembro de cada ano, utilizando dados de reserva do TripAdvisor para cada região analisada.

Apesar da alta registrada no Estado, o cenário ainda é positivo diante da situação econômica do país. A média de preços em 2014 era de R$ 316, em 2015 foi para R$ 313 e neste ano está em R$ 337. Porém, no mesmo período, o IPCA2, índice oficial da inflação brasileira, foi de 21%, valor ainda maior que a variação dos hotéis.
 
Segundo José Wahnon, gerente do hotel Crocobeach, apesar do aumento, os preços dos hotéis no Ceará não acompanharam o aumento da inflação, das folhas salariais e nem das despesas em geral como água e energia. Para ele, a alta das despesas e da inflação foi maior que o aumento no preço dos hotéis. O gerente ainda ressalta que o ano não foi muito bom para rede hoteleira do Estado. "A queda das ocupações foi substancial no segundo semestre. O aumento dos preços em 8% não acompanhou o aumento dos gastos. O mercado está em crise e o segundo semestre foi bem abaixo do esperado", afirmou.

Wahnon destacou que a rede de hotéis Crocobeach é recente no mercado, surgiu há um ano, e por isso ainda não acompanhou a alta dos preços. Ainda segundo ele, a rede se difere da média de preços apontada pela pesquisa, o gerente disse que o preço médio é de R$ 220.

Sobre a Pesquisa

A metodologia se baseia na média de preços para uma noite com base nos dados de reserva do TripAdvisor entre janeiro e novembro de 2014, 2015 e 2016, para uma amostra local de hotéis. Tarifas foram agregadas de diferentes parceiros de reserva, incluindo agências de viagem on-line e sites dos hotéis. “O estudo ajuda os viajantes a planejar com antecedência e escolher o melhor destino para as próximas férias economizando dinheiro”, afirma Claudia Martinelli, porta-voz do TripAdvisor no Brasil.
 
Redação O POVO Online 



TAGS