PUBLICIDADE
Notícias

Mais da metade dos brasileiros deve usar o 13° para realizar as compras de Natal

Segundo pesquisa, 52% dos brasileiros utilizarão parte do pagamento para as compras de fim de ano

13:32 | 14/11/2016
NULL
NULL
[FOTO1]
De acordo com uma pesquisa nacional realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e pela Confederação Nacional dos Lojistas (CNDL), mais da metade dos brasileiros que recebem 13° (52,9%) usarão parte do valor para realizar as compras de Natal, sendo que 10,8% pretendem gastar todo o valor. O levantamento foi realizado em todas as capitais brasileiras. 

Entre os 27% que não pretendem ultilizar a renda extra com presentes, o principal destino será economizar ou fazer algum investimento (26,6%), além de quitar dívidas para organizar a vida financeira (26,4%)e pagar impostos, como IPVA e IPTU.

Segundo o edcador financeiro do SPC Brasil José Vignoli, é importante fazer um uso racional do pagamento extra de fim de ano, mesmo com todas as apelações tentadoras das festas de fim de ano. ''Qual é a prioridade? Essa é a pergunta que a pessoa deve fazer. Quitar contas em atraso, por exemplo, deve vir antes de qualquer desejo de compra'', explica Vignoli.

Para o educador, mesmo quem está com as despesas em dia precisa refletir sobre o melhor uso do 13°. ''Poupar e aplicar parte dos recursos, por exemplo, são hábitos que fazem muita diferença, seja pra realizar sonhos ou para uma aposentadoria mais confortável. Quem ainda assim decidir que o melhor é comprar presentes deve tomar algumas precauções, como optar pelo pagamento à vista, pesquisar preços e evitar ao máximo o endividamento''.

Metodologia

As entrevistas se dividiram em duas fases. Inicialmente foram ouvidos 1.632 consumidores nas 27 capitais para saber o percentual que pretendia ir às compras no Natal e, depois, a partir de 600 entrevistas, investigou-se em detalhes o comportamento de consumo no natal. A margem de erro  é de no máximo 2,4 e 4,0 pontos porcentuais, respectativa. A uma margem de cofiança de 95%.
 
Redação O Povo Online 
TAGS