PUBLICIDADE
Notícias

Paralisação dos bancários começa esta terça

11:45 | 05/09/2016
Os bancários entrarão em greve nacional a partir desta terça-feira, 6. Insatisfeitos com a posição da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e o momento político e da economia vividos no País, os profissionais rejeitaram a proposta dos bancos na assembleia do último dia 1º.

A proposta da Fenaban foi de reajuste de 6,5% no salário, na Participação nos Lucros e Resultados (PLR) e auxílios refeição, alimentação, creche e abono de R$ 3 mil.

Segundo os bancários, a proposta não chega a cobrir a inflação, projetada em 9,57% para agosto. Portanto, haveria um prejuízo no equivalente de 2,8% para os trabalhadores.

Carlos Eduardo Bezerra, presidente do Sindicato dos Bancários do Ceará, conta que os bancos têm lucros bilionários durante o ano e ainda assim propõem perda real de salários para os profissionais. "Nos seis primeiros meses de 2016 já lucraram R$ 30 bilhões, mas já destruíram 7 mil empregos no ano. É um setor que tem condições de atender as reivindicações", avalia.

Ele conta ainda que a proposta enviada pelos bancos não contempla mudanças com relação a empregos, segurança ou saúde.

São aproximadamente 700 agências bancárias e mais de 10 mil profissionais no Estado do Ceará.

Redação O POVO Online
TAGS