PUBLICIDADE
Notícias

Brasil registra 5.804 MW em geração eólica

Em agosto deste ano essa capacidade atingiu 9.327 MW, representando um acréscimo de 2.790 MW na comparação com mesmo mês de 2015

10:46 | 23/09/2016

O Brasil atingiu mais um recorde de geração eólica no Sistema Interligado Nacional. No dia 13 de setembro, registrou o valor máximo diário de geração eólica, correspondente a 5.804 MWmédios. Um dos motivos é a expansão da capacidade instalada de geração eólica no País, segundo o Ministério de Minas e Energias divulgou nesta sexta-feira, 23.

Em agosto deste ano essa capacidade atingiu 9.327 MW, representando um acréscimo de 2.790 MW na comparação com mesmo mês de 2015.


De acordo com o Informativo Preliminar Diário da Operação do Operador Nacional do Sistema (ONS), em 13 de setembro a quantidade gerada pelos ventos foi 606 MWmédios superior na comparação ao primeiro maior recorde do segundo semestre de 2016, quando foi gerado 5.203 MWmédios, no dia 25 de julho.

Com a expansão da geração elétrica, a expectativa para os próximos anos, segundo o Plano de Decenal de Expansão de Energia – PDE 2024, é que a capacidade instalada eólica no País alcance 24 mil MW até 2024.

Eólicas na COP 21

As fontes eólicas serão fundamentais para que o Brasil possa cumprir as metas de geração deenergia renovável assumidas na COP 21. No final de 2015, o País se comprometeu a expandir o uso doméstico de energia gerada por fontes renováveis, além da energia hídrica, para ao menos 23% da matriz elétrica, até 2030.

 

Redação O POVO Online

TAGS