PUBLICIDADE
Notícias

Novos empréstimos na China têm forte queda em julho

06:30 | 12/08/2016
Os bancos chineses liberaram 463,6 bilhões de yuans (US$ 69,9 bilhões) em novos empréstimos em julho, segundo dados publicados hoje pelo Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês).

O resultado é bastante inferior ao volume de 1,38 trilhão de yuans registrado em junho e veio abaixo da expectativa de 16 analistas consultados pelo The Wall Street Journal, de 825 bilhões de yuans em novos empréstimos.

O financiamento social total, uma medida mais ampla do crédito na economia chinesa, somou 487,9 bilhões de yuans em julho, também apresentando forte redução em relação a junho, quando totalizou 1,63 trilhão de yuans.

Já a base monetária da China (M2) teve aumento anual de 10,2% em julho, após avançar em ritmo significativamente mais forte em junho, de 11,8%. A previsão dos economistas era de ganho maior, de 11%. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS