PUBLICIDADE
Notícias

Brexit é "importante fonte de incerteza" para zona do euro, diz BCE em ata

09:10 | 07/07/2016
A decisão do Reino Unido de votar por sua saída da União Europeia, em plebiscito realizado em 23 de junho, é uma "importante fonte de incerteza" no que diz respeito à perspectiva econômica da zona do euro, afirmou hoje o Banco Central Europeu (BCE) na ata de sua última reunião de política monetária.

No documento, referente ao encontro do BCE em 2 de junho, a autoridade monetária europeia avaliou que o chamado "Brexit" poderá ter repercussões negativas na zona do euro, ainda que difíceis de prever, "por meio de uma série de canais, incluindo o comércio e os mercados financeiros.

O BCE também reiterou que as pressões inflacionárias continuam fracas na zona do euro e que a inflação subjacente ainda precisa dar "sinais claros" de tendência de alta.

Dados preliminares de junho mostram que a inflação anual do bloco está em apenas 0,1%, muito abaixo da meta oficial do BCE, que é de taxa ligeiramente inferior a 2%.

Ainda na ata, o BCE voltou a repetir que, se necessário, está pronto para voltar a agir com novas medidas de estímulos, utilizando todos os instrumentos de política monetária de que dispõe.

O BCE demonstrou confiança de que suas políticas atuais, que incluem taxas de juros negativas e compras mensais de até 80 bilhões de euros em ativos, continuarão sustentando a recuperação econômica moderada da zona do euro. Com informações da Dow Jones Newswires.

TAGS