PUBLICIDADE
Notícias

Em carta, Temer diz que setor siderúrgico é vital para desenvolvimento

11:50 | 08/06/2016
O presidente em exercício, Michel Temer, afirmou em carta lida durante a abertura do 27º Congresso Brasileiro do Aço, em São Paulo, que o governo não vai descuidar de medidas de apoio à indústria e que o setor siderúrgico é vital para a retomada do desenvolvimento do País.

"Preciso da colaboração de vocês para enfrentar os severos desafios que temos pela frente, entre os quais as medidas de ajuste fiscal e de corte de gastos", disse Temer, na carta. "Não descuidarei, porém, de medidas de apoio à indústria, principal pilar de sustentação da economia nacional".

Na carta, Temer manifestou apreço ao setor siderúrgico, dizendo reconhecer a "vital importância" do segmento para a retomada do desenvolvimento do País, "razão pela qual a defesa de seus ideais e suas demandas se inserem em escala de alta prioridade da política governamental".

O presidente em exercício ainda disse reconhecer que a siderurgia brasileira enfrenta grandes dificuldades de natureza conjuntural e estrutural. "Poderemos, juntos, superar as dificuldades e voltar a ter competitividade no mercado internacional".

Também na abertura do 27º Congresso Brasileiro do Aço, o primeiro-secretário da Câmara dos Deputados, Beto Mansur, disse ser fundamental que o País tenha medidas importantes para a produção de aço, destacando que uma das principais alternativas para o setor é a exportação.

Durante sua fala, Mansur defendeu a elevação das alíquotas do Reintegra, voltando para o patamar de 3% - atualmente, está em 0,1%. "É uma medida que, ao meu ver, é importante para que a indústria retome o desenvolvimento".

TAGS