PUBLICIDADE
Notícias

Gastos com provisões contra calotes equivalem ao dobro do lucro

12:35 | 13/05/2016
Os bancos brasileiros gastaram R$ 26,8 bilhões com provisões contra calotes durante o primeiro trimestre de 2016, equivalente a mais do que o dobro do lucro líquido registrado de R$ 13,1 bilhões.

O Banco do Brasil, que teve a maior queda em lucro no primeiro trimestre de 2016 (59,5% menor do que o observado no mesmo período do ano anterior), já revisa a projeção para as despesas com as provisões para os meses subsequentes. A previsão para a parcela que esses gastos representariam na carteira de crédito em 2016 passou de entre 4% e 4,4% para entre 3,7% e 4,1%.

O Bradesco e o Itaú Unibanco, por sua vez, não alteraram essa projeção, mas os gastos com provisões deverão ficar mais próximos ao teto da faixa indicada no começo de 2016.

Conforme divulgado nesta sexta-feira pela provedora de informações sobre finanças Economatica, os lucros dos bancos brasileiros ficaram 21,71% menores no primeiro trimestre deste ano, na comparação com 2015.

Redação O POVO Online
TAGS