PUBLICIDADE
Notícias

R.Unido condena operador a pagar US$ 1,24 milhão por manipulação da Libor

16:30 | 23/03/2016
Um tribunal do Reino Unido ordenou o ex-operador de banco Tom Hayes a pagar quase 879 mil libras (US$ 1,24 milhão) a autoridades por seu papel na manipulação da taxa de juros referencial Libor.

Hayes, que atualmente cumpre pena de onze anos de prisão depois de ter sido condenado em oito acusações de conspiração para fraude em agosto do ano passado, enfrentará mais três anos preso se não cumprir a ordem judicial.

Após dias de argumentações, o juiz Jeremy Cooke concluiu que Hayes deve pagar 878.806 libras, o que corresponde ao resultado monetário estimado de seus crimes durante os cinco anos em que trabalhou em Tóquio para o UBS Group e o Citigroup.

O valor é menor do que Hayes, sua família e seus advogados temiam. O Escritório de Fraudes Graves do Reino Unido pedia que o tribunal confiscasse a maior parte do dinheiro que Hayes obteve entre 2006 e 2010, que soma mais de 3 milhões de libras.

Em 2012, antes de ser acusado por promotores dos EUA e do Reino Unido, Hayes e sua esposa, Sarah Tighe, compraram uma casa na cidade inglesa de Surrey que atualmente é avaliada em 1,7 milhão de libras. Eles provavelmente terão de vender a casa para pagar a multa, segundo uma pessoa próxima a eles. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS