PUBLICIDADE
Notícias

Procon aponta aumento no preço de 31 itens nos supermercados

12:51 | 01/03/2016
O Procon Fortaleza pesquisou preços de 47 alimentos e produtos nos dias 22 e 23 de fevereiro em 10 supermercados da Capital. A pesquisa apontou que a maior variação é de 375%, no preço do tomate. O Procon orienta ao consumidor pesquisar e buscar os locais mais baratos, exigindo o cumprimento da oferta anunciada em encartes publicitários. Se houver divergência no preço do produto exposto na prateleira com o valor apresentado no caixa, o consumidor deve pagar sempre o menor preço.

Se comparada com a pesquisa anterior, 31 itens aumentaram de preço médio, 15 tiveram redução e um produto não sofreu alteração. Confira aqui a pesquisa completa com alimentos de primeira necessidade e produtos de higiene pessoal, limpeza doméstica e de cuidados infantis.

Frutas e hortaliças continuam com variação de preços acima de 100% entre os supermercados pesquisados. O quilo do tomate pode ser encontrado de R$ 1,89 a R$ 8,98, uma diferença de 375,13%. A batata também apresentou grande diferença de preço, indo de R$ 2,69 a R$ 8,34, o que confere uma diferença de 210,04%.

No campo de higiene pessoal, o desodorante masculino rollon 50ml, pode custar o dobro do preço, entre o supermercado mais barato (R$ 5,98) e o mais caro (R$ 9,89), ou seja, 65,38% de diferença.

O quilo do carioquinha (pão francês) pode variar até R$ 32,57, sendo encontrado de R$ 8,29 a R$ 10,99. O pacote de café em pó 250g, da mesma marca, pode custar de R$ 3,99 a R$ 4,78, uma diferença de 19,80%.

Maiores variações
Tomate – 375,13% (R$ 1,89 a R$ 8,98)
Batata – 210,04% (R$ 2,69 a R$ 8,34)
Cebola – 166,89% (R$ 2,99 a R$ 7,98)
Coentro/Cebolinha – 142,31% (R$ 0,78 a R$ 1,89)
Laranja – 129,03% (R$ 1,24 a R$ 2,84)

Prefeitura de Fortaleza
TAGS