PUBLICIDADE
Notícias

Banco dos Brics fará emissão de US$ 1 bilhão em bônus denominados em yuan

16:10 | 10/03/2016
O recém-inaugurado Novo Banco de Desenvolvimento (NDB), também conhecido como Banco dos Brics, pretende levantar cerca de US$ 1 bilhão com a venda de títulos de longo prazo denominados em yuans, afirmou hoje o presidente da instituição, o indiano Kundapur Vaman Kamath.

Segundo o dirigente, a emissão depende agora apenas da aprovação de reguladores chineses, e determinará quando o NDB vai começar a fazer empréstimos. O conselho do banco, formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, começará a avaliar projetos a partir de abril, quando uma reunião dos membros acontecerá.

Um dos possíveis candidatos para essa primeira fase é a construção de uma usina hidrelétrica na Rússia, um projeto que atende os anseios de da instituição de focar em energia renovável. O NBD também pode realizar empréstimos à África do Sul em rands, a moeda local, para evitar que uma exposição ao dólar prejudique a situação externa do país.

De acordo com membros do banco, os desembolsos podem chegar a US$ 2 bilhões este ano, e o triplo desta quantia em 2017.

De acordo com Kamath, o mercado de títulos chinês foi escolhido por ser maior do que o dos outros países. Além disso, a instituição tem nota triplo A na China, o que torna os empréstimos mais baratos.

"Esperamos que, nos próximos seis a oito semanas, poderemos fazer nossa primeira emissão na China", disse. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS