PUBLICIDADE
Notícias

Após ata, Bradesco revisa projeção para Selic de 2016 de 13,25% para 12,25%

12:10 | 11/03/2016
O Bradesco revisou nesta sexta-feira, 11, sua projeção para a Selic no fim deste ano de 13,25% para 12,25%, o que implicaria em um corte de 2,0 pontos porcentuais em relação ao nível atual, de 14,25%. A mudança ocorre após a divulgação da ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central, ocorrida na quinta-feira, 10.

Segundo o banco afirma em relatório, o BC só deve começar a cortar os juros daqui a alguns meses, quando os sinais de uma descompressão mais nítida da inflação ganharem força. O Bradesco explica que a ata traz como destaques a permanência das preocupações vindas do cenário externo e o ajuste para cima das projeções de inflação para este e o próximo ano, ao mesmo tempo em que chama atenção para o "hiato do produto mais desinflacionário do que inicialmente previsto". Além disso, o Copom revisou novamente sua projeção para os preços administrados neste ano, de 6,3% para 5,9%, levando em conta a redução dos preços de energia.

"O documento revela que o Copom deve optar pela manutenção da Selic nos próximos meses, atentando-se à evolução do cenário, entendendo que vale a pena aguardar um pouco", diz o relatório do Bradesco. "Ao longo deste ano, entendemos que a força da recessão da economia brasileira - acentuada pelo contexto global muito deprimido - deverá aumentar a convicção do BC de que há espaço para uma redução mais significativa da taxa de juros. Por isso, acreditamos que a Selic encerrará este ano em 12,25%", acrescenta o texto.

TAGS