PUBLICIDADE
Notícias

Inflação pode subir no 2º semestre, permitindo uma alta de juros, diz Harker

13:00 | 16/02/2016
O presidente regional do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) da Filadélfia, Patrick Harker, afirmou nesta terça-feira que a debilidade da inflação e a alta dos riscos sobre os as perspectivas econômicas podem adiar a elevação dos juros nos Estados Unidos.

"Minha abordagem sobre a política monetária é mais cautelosa do que há alguns meses atrás", disse Harker. "Embora não possa dizer como a política monetária irá evoluir, pode ser prudente esperar que os dados da inflação melhorem antes de elevar as taxas pela segunda vez."

"Os riscos me parecem pender para o lado negativo", disse o dirigente. "O nervosismo nos mercados financeiros elevou a cautela dos consumidores e empresários, o que pode implicar em menor crescimento ao menos na primeira metade desse ano".

Este é o segundo discurso de Harker desde que assumiu o posto, em julho do ano passado. Ele não vota nas reuniões do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc) neste ano.

Para o presidente do Fed da Filadélfia, a segunda metade do ano pode dar mais clareza aos formuladores de política econômica.

"À medida que caminhamos para o segunda metade do ano, com a atividade econômica expandindo, o nível de desemprego abaixo do estrutura e as pressões sobre o preço se solidificando, a política monetária pode voltar a se normalizar", disse. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS