PUBLICIDADE
Notícias

'Manutenção da Selic foi acertada', diz presidente da ACSP

19:55 | 20/01/2016
O presidente da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) e da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), Alencar Burti, divulgou nota nesta quarta-feira, 20, apoiando a decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) de manter inalterada a Selic em 14,25% ao ano.

"A manutenção da Selic foi acertada", afirmou Burti. "O desemprego e a recessão já derrubaram a confiança e o consumo das famílias e isso deverá levar ao recuo da inflação".

Burti disse que é preciso tempo para sejam sentidos ainda os efeitos das elevações anteriores da Selic. "Elas foram suficientes para reverter a escalada inflacionária e para produzir resultados em 2016 e em 2017", afirmou, salientando que o alívio nos grandes reajustes de tarifas públicas e na alta do câmbio também aponta nesta direção.

Firjan

Já a Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan) divulgou, em nota, que avalia como 'acertada' a decisão do Copom. Para a Firjan, "um novo ciclo de aperto monetário não é a solução para que a inflação retorne à meta estabelecida". De acordo com a Firjan, o aumento da taxa básica de juros apenas agravaria a recessão como também a situação das contas públicas.

A Firjan também defendeu a necessidade de um ajuste fiscal, já que o descontrole de preços está intimamente relacionado ao descontrole dos gastos públicos. Para a federação, o ajuste deve contemplar superávits primários mais robustos e metas de longo prazo, bem como regras explícitas que limitem o crescimento dos gastos correntes em relação ao PIB. "Sem isso, dificilmente a inflação retornará para níveis próximos à meta."

TAGS