PUBLICIDADE
Notícias

BC da Turquia mantém taxas de juros, apesar de inflação alta e lira fraca

09:35 | 19/01/2016
O Banco Central da Turquia manteve as taxas básicas de juros inalteradas, adiando uma esperada mudança política pelo segundo mês consecutivo enquanto a lira flerta com mínimas históricas e a inflação alta dificulta a visão das perspectivas econômicas.

A taxa de juros de recompra de uma semana - que é a referência - permaneceu em 7,5%, a taxa de tomada de empréstimos overnight continuou em 7,25% e a taxa de concessão de empréstimos overnight seguiu em 10,75%. As taxas estão nesses patamares desde fevereiro de 2015. A decisão ficou em linha com a previsão da maioria dos 13 economistas consultados pelo Wall Street Journal.

Com a decisão de hoje, o presidente do banco central turco, Erdem Basci, novamente não cumpriu uma promessa de normalizar a política monetária não ortodoxa do país, que foi adotada em agosto passado e havia sido atrelada à elevação dos juros pelo Federal Reserve, o banco central dos EUA, em dezembro.

Desde a última reunião do Banco da Turquia a volatilidade nos mercados aumentou e a lira perdeu cerca de 4% em relação ao dólar, se aproximando da mínima histórica de 3,0755 liras por dólar alcançada em 24 de setembro. A inflação também disparou e terminou 2015 em 8,8%, acima da meta de 5,0%.

"Com a inflação ainda aumentando e a lira vulnerável, o banco central não deveria esperar muito para elevar os juros", comentaram estrategistas de câmbio da Brown Brothers Harriman (BBH) em nota a clientes. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS