PUBLICIDADE
Notícias

Venda de máquinas agrícolas cai 9,1% em julho, segundo a Anfavea

17:50 | 06/08/2015
As vendas internas de máquinas agrícolas e rodoviárias no atacado atingiram 4.007 unidades em julho, queda de 9,1% na comparação com junho e recuo de 37,5% ante o mesmo mês do ano passado, informou nesta quinta-feira, 6, a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea). Com o resultado, as vendas do segmento acumulam retração de 27,5% nos primeiros sete meses de 2015.

As vendas internas de tratores alcançaram 3.237 unidades, queda de 13% em relação a junho e de 39,7% comparado a igual mês do ano passado. No acumulado do ano, a redução nas vendas internas de tratores chega a 25,4% em relação ao mesmo período de 2014. Já as vendas de colheitadeiras cresceram de junho para julho, chegando a 376 unidades, alta de 18,6%. No comparativo com julho de 2014, contudo, o recuo chega a 22%. De janeiro a julho, a queda nas vendas de colheitadeiras chega a 30,8% ante o mesmo período do ano passado.

A produção de máquinas agrícolas e rodoviárias somou 5.119 unidades em julho, alta de 41,6% na comparação com junho e retração de 41,8% ante o mesmo mês do ano passado. De janeiro a julho, a fabricação de máquinas agrícolas acumula recuo de 27,7% na comparação com igual período de 2014. A receita com as exportações de máquinas agrícolas totalizou US$ 746,9 milhões em julho, queda de 25,7% na comparação com junho e de 24,7% ante igual mês do ano passado. Com o resultado, as vendas externas de máquinas agrícolas apontam recuo de 10% neste ano até julho.

O total de máquinas agrícolas exportadas no mês passado foi de 843 unidades, queda de 23,4% na comparação com junho e recuo de 35,7% ante julho do ano passado. No acumulado do ano até julho, as vendas externas recuaram 21,3% ante igual período de 2014. Em julho, 609 tratores foram exportados, 23,4% menos que as 1.100 unidades vendidas em junho. A queda chega a 35,7% ante o mesmo mês do ano passado e a 21,3% de janeiro a julho, ante igual período de 2014. As vendas externas de colheitadeiras somaram apenas 6 máquinas em julho, ante 15 no mês passado. De janeiro a julho de 2015, o recuo nas exportações chega a 56,7% comparado ao mesmo período do ano passado.

TAGS