PUBLICIDADE
Notícias

Corretoras chinesas aumentam exigências para financiar operações de margem

11:40 | 05/05/2015
Três corretoras chinesas - Citic Securities, Haitong Securities e Tebon Securities - ampliaram as exigências para financiar operações de margem - em que os investidores tomam empréstimos para comprar ações -, diante dos crescentes riscos nos mercados acionários do país, segundo o jornal Shanghai Securities News.

Todas as corretoras elevaram a quantia que seus clientes precisam depositar para conduzir esse tipo de operação, informou o jornal. Além disso, as duas últimas reduziram o volume de títulos que pode ser usado como colateral de negócios de margem e para assumir posições vendidas, informou o jornal.

A Bolsa de Xangai, que acumula fortes ganhos de 85% desde novembro do ano passado, hoje fechou em baixa de 4,0%, em meio a temores de que Pequim restrinja as operações de margem.

Além disso, aumentou a velocidade de abertura de novas contas de títulos na China nos últimos tempos. Semanalmente, foram abertas mais de 1 milhão de contas por seis semanas consecutivas. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS