PUBLICIDADE
Notícias

Proposta da tabela de frete será entregue dia 26 para caminhoneiros

Categoria se reuniu com o Governo Federal. Na reunião, estavam presentes Miguel Rossetto (Secretaria-Geral), Katia Abreu (Agricultura) e Antonio Carlos Rodrigues (Transportes)

20:28 | 10/03/2015

O Governo Federal, na manhã desta terça-feira, 10, realizou a primeira reunião com caminhoneiros e empresários do setor de transportes de cargas para tratar sobre a regulamentação e o tabelamento referencial do frete. Foi estabelecido que, no dia 26 de março, será apresentada uma tabela de valor mínimo do frete.

José Tavares, presidente do Sindicato dos Caminhoneiros (Sindicam), não esteve presente na reunião, mas se posicionou a respeito. Ele apontou que é esperado o valor de R$ 3,50 a R$ 3,60 por quilômetro rodado.

“O que estava sendo pedido era R$ 4,60 por quilômetro rodado, mas a gente sabe que esse valor é negociado. Esperamos que fique pelo menos nessa faixa. A cobrança por valor do litro do óleo já dá uma ajuda significativa”, diz.

Na reunião, estavam presentes Miguel Rossetto (Secretaria-Geral), Katia Abreu (Agricultura) e Antonio Carlos Rodrigues (Transportes). Foram organizadas três comissões para estudar propostas para a categoria: Ministério dos Transportes, Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).
[SAIBAMAIS2]
Carlos Rodrigues explicou que o acordo entre a categoria e o governo está sendo efetuado, gerando um clima favorável nas negociações. Para Rosseto, a reunião também foi produtiva. “Com participação de caminhoneiros, empresários do setor e governo, e o debate foi de altíssima qualidade. Queremos aprender juntos e acertar. Essa é a intenção do Governo, conforme orientação da Presidente Dilma”.

Redação O POVO Online

TAGS