PUBLICIDADE
Notícias

Desemprego em SP recua para 4,4% em outubro, diz o IBGE

09:20 | 19/11/2014
A taxa de desemprego na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP) caiu de 4,5% em setembro para 4,4% em outubro, segundo os dados da Pesquisa Mensal de Emprego (PME) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A exemplo do que ocorreu no total nacional, o mercado de trabalho local criou postos de trabalho, enquanto diminuiu a fila do desemprego e o número de inativos.

A população ocupada aumentou 0,5% em outubro ante setembro, com a geração de 51 mil vagas. O número de desocupados caiu 3%, o equivalente a 14 mil pessoas a menos na fila do desemprego. Já a população inativa teve ligeiro recuo de 0,1%, o equivalente a sete mil pessoas a menos fora da força de trabalho.

"A região metropolitana de São Paulo tem peso muito importante para o total das seis regiões metropolitanas (que integram a PME). Mas, quando se olha especificamente o quadro sintético de São Paulo, esses 50 mil postos a mais para a região não foi estatisticamente significativo", ponderou Adriana Beringuy, técnica da Coordenação de Trabalho e Rendimento do IBGE.

São Paulo tem um peso de quase 40% no total da PME. A região acompanha o resultado nacional na comparação com outubro de 2013. Houve redução na taxa de desemprego, de 5,6% para 4,4% no período de um ano, mas puxada pelo aumento da inatividade, não pela geração de vagas.

Ante outubro do ano passado, a criação de postos de trabalho teve até ligeira diminuição de 0,1%, com a eliminação de 10 mil vagas. Em contrapartida, o desemprego diminuiu 22,7%, o equivalente a 130 mil pessoas a menos procurando trabalho. Já a população inativa cresceu 5,3%, ou seja, 379 mil pessoas aderiram à inatividade.

TAGS