PUBLICIDADE
Notícias

Grupo Libra planeja investir R$ 520 mi no Rio

10:10 | 04/10/2014
Para colocar o Rio entre os terminais mais competitivos do País e atrair novas cargas e transportadoras, o grupo Libra planeja investir R$ 520 milhões. A estratégia passa pela ampliação do terminal, novos equipamentos para dar celeridade às operações e também pela expansão da área de serviços, com a aquisição de novo terreno para consolidar a atuação no Rio do braço logístico do grupo.

Os primeiros investimentos já executados, de R$ 378 milhões, já serão sentidos até dezembro, com a ampliação do terminal, dragagem do canal de acesso para receber navios de maior porte e novos equipamentos. Desse montante, R$ 160 milhões foram financiados pelo BNDES. Outros R$ 200 milhões foram obtidos com debêntures e mais R$ 18 milhões do próprio caixa.

A aposta acontece em um momento de desaceleração econômica no País e também no Rio. "O estudo para investimento dessa magnitude não olha só para um ou dois anos. Investidor em infraestrutura tem que olhar o longo prazo. Tivemos a concessão renovada até 2043, a gente faz sabendo que tem condição de investir no longo prazo", diz Sebastião Furkim, diretor geral de operações do Terminal Rio.

O objetivo do investimento é tornar o terminal competitivo em relação aos principais do País, como o de Santos. "Muitas das cargas que estão indo para Santos deveriam chegar no Rio", diz o executivo.

A ampliação em curso vai elevar em 30% a área do cais, permitindo receber dois navios simultaneamente. A operação também ganhará celeridade com novos equipamentos para movimentação dos contêineres. Para 2015, uma nova dragagem é esperada para o canal de acesso ao porto, permitindo a atracagem de navios maiores.

Outra estratégia do grupo para ampliar as operações no Rio é consolidar o segmento de logística. Para isso, está negociando um novo terreno entre 100 e 150 mil metros quadrados, na zona portuária do Rio. A iniciativa integra um investimento projetado de R$ 2 bilhões de todo o grupo até 2019.

TAGS