PUBLICIDADE
Notícias

Grãos elevam preços agricolas em outubro, diz Bradesco

09:10 | 30/10/2014
A aceleração do IGP-M para 0,28% em outubro surpreendeu as expectativas do Bradesco, que esperava que avanço igual ao observado na leitura de setembro, de 0,20%. Em relatório a clientes assinado pelo economista Octavio de Barros, a instituição destaca que o que mais contribuiu para esse resultado foi a aceleração dos preços agrícolas, que subiram de 0,10% para 0,90%, principalmente influenciados por quedas menores dos preços de grãos ligados ao mercado internacional e pelas altas dos produtos in natura.

O banco também ressalta no documento que os preços ao produtor industrial apresentaram leve queda em outubro, de -0,01%, como consequência da descompressão dos preços de produtos alimentícios, principalmente carnes. Além desses produtos, o relatório afirma que a queda mais acentuada de álcool e a desaceleração de produtos químicos e metalurgia básica também contribuíram para um resultado mais fraco.

"Com a continuidade da aceleração dos preços agrícolas e a reaceleração dos preços industriais, tanto por produtos alimentícios quanto por possíveis reajustes de combustíveis, esperamos que as próximas leituras mostrem resultados mais elevados para os IGPs", afirma o Bradesco.

TAGS