PUBLICIDADE
Notícias

Crédito em setembro veio dentro do esperado, diz Maciel

11:10 | 30/10/2014
O chefe do Departamento Econômico do Banco Central, Tulio Maciel, disse que a expansão do crédito no mês de setembro seguiu tendência do ano, de "crescimento moderado". "Na margem, a expansão foi um pouco maior", considerou. Para o economista do BC, a evolução do aumento do crédito está consistente com projeção da instituição de aumento de 12% este ano. No acumulado de 12 meses até setembro, a alta está em 11,7%. "Houve um maior dinamismo do crédito direcionado no mês", disse.

Maciel falou que as medidas de compulsório, anunciadas entre agosto e setembro, começam a ser percebidas na aquisição de veículos. No segmento, as concessões cresceram 10,9% no mês. Ele ponderou, no entanto, que a série de concessões devem ser olhadas com cautela porque são mais voláteis. "Sazonalidade é um item que pesa. Em termos de dias úteis houve um dia útil a mais em setembro, isso influencia as concessões", observou. "Em veículos o impacto das medidas é mais visível que em outras modalidades", disse.

O chefe do Departamento Econômico do BC também disse que as mesmas medidas regulatórias começam a se fazer mais visíveis no crédito. "As medidas que foram tomadas lá atrás (compulsórios) têm caráter regulatório, com alcance restrito", disse. "As decisões tomadas pelo Copom (Comitê de Política Monetária) têm efeito mais relevante sobre o canal de crédito do que medidas regulatórias", observou.

TAGS