PUBLICIDADE
Notícias

CCEE mantém PLD em no nível máximo de R$ 822,83/MWh

15:55 | 24/10/2014
O preço de liquidação das diferenças (PLD) permanecerá no patamar máximo de R$ 822,83/MWh na próxima semana, confirmou nesta sexta-feira, 24, a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). Mais cedo, o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) informou que o custo marginal de operação (CMO) para o período entre 25 e 31 de outubro havia subido 4,4% em relação à semana corrente, chegando a R$ 890,12/MWh para todos os subsistemas. Como o PLD é lastreado pelo CMO, já era esperado que se mantivesse no mesmo nível desta semana, no teto de R$ 822,83/MWh.

De acordo com a CCEE, o patamar de preços reflete a piora na conjuntura hidrológica. "O contínuo enfraquecimento das frentes frias, observado durante todo o mês de outubro, provocou nova redução na previsão das afluências para a próxima semana. A queda foi de aproximadamente 1.400 MW médios, sendo 850 MW médios no Sudeste e 560 MW Médios no Sul", destacou a CCEE em nota.

As perspectivas menos otimistas para as afluências no decorrer de outubro levaram o ONS a reduzir a previsão de afluências na região Sudeste de 89% da Média de Longo Termo (MLT) para 62% durante as últimas semanas. No caso da região Sul, a variação foi de 188% para 141% da média histórica.

A redução das vazões, associada à elevação das temperaturas nos últimos dias, provocou redução de aproximadamente 750 MW médios nos níveis iniciais dos reservatórios do sistema, considerando os mercados Sudeste e Sul. Já a elevação das temperaturas provocou aumento no consumo previsto para a próxima semana em cerca de 1.050 MW médios. "Este crescimento, justificado pelo aumento do uso de equipamentos de climatização de ambientes, ocorreu principalmente nos submercados Sudeste e Sul", informou a CCEE.

Diante da expectativa de elevação do consumo e a manutenção das afluências em torno ou abaixo da média, a CCEE prevê que os níveis dos reservatórios continuarão em queda no decorrer das próximas semanas.

TAGS