PUBLICIDADE
Notícias

Produção do pré-sal somou 532 mil bpd em agosto

21:40 | 12/09/2014
A Petrobras informou que a produção da camada pré-sal atingiu em agosto o valor de 532 mil barris/dia (bpd). Em 25 de agosto foi registrada a maior produção diária no pré-sal das Bacias de Santos e Campos, de 581 mil bpd. Essas vazões também incluem a parte operada pela Petrobras para seus parceiros, e foram obtidas após a entrada em produção do poço LL-28 no FPSO Cidade de Paraty, que elevou o patamar de produção dessa unidade para 95 mil bpd, com três poços.

A produção diária de 71,22 milhões metros cúbicos de gás, em agosto, superou em 4% a produção do mês anterior, que foi de 68,3 milhões de metros cúbicos por dia. A produção de gás operada pela estatal, que inclui a parcela operada para as empresas parceiras, alcançou 80,151 milhões de metros cúbicos por dia, 4,7% acima dos 76,6 milhões de metros cúbicos por dia no mês de julho. A Petrobras destaca o início da exportação de gás da P-62 ocorrido em 30 de agosto.

No mês passado foram executadas paradas para manutenção em algumas plataformas, o que resultou na interrupção temporária de 25 mil bpd na produção média do mês. Entre as unidades que tiveram a produção interrompida para manutenção, a empresa cita a P-56, no campo de Marlim Sul e P-19, no campo de Marlim. Essas unidades já retornaram à sua produção normal de acordo com a companhia.

Exterior

A empresa produziu no exterior em agosto 208 mil barris de óleo equivalente por dia (boed), queda de 5,3% em relação aos 219,7 mil boed produzidos no mês anterior. A produção média de óleo em agosto, de 115 mil barris de óleo por dia (bpd), ficou 4,3% abaixo dos 120,1 mil bpd produzidos no mês anterior e a produção média de gás natural no exterior foi de 15,807 milhões de metros cúbicos por dia, 6,6 % abaixo do volume produzido no mês de julho.

"Essas reduções são devidas, predominantemente, a uma menor produção de gás e líquidos (LGN e condensado) no Lote 57 do Campo de Kinteroni, no Peru, como consequência de uma menor demanda por exportação de GNL a partir desse país", afirma.

A produção total da estatal informada à ANP foi de 10.507.616,94 de metros cúbicos de óleo e 2.604.926,66 mil metros cúicos de gás em agosto de 2014. Essa produção corresponde à produção total das concessões em que a Petrobras atua como operadora. Não estão incluídos os volumes do Xisto, LGN e produção de parceiros onde a empresa não é operadora.

TAGS