PUBLICIDADE
Notícias

Inflação em Fortaleza é a terceira menor do Brasil em agosto

IPCA da capital cearense ficou em 0,07%, número abaixo da média nacional, que apresentou inflação de 0,25%

11:18 | 05/09/2014
O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de agosto variou 0,25%, bem acima da taxa de 0,01% de julho. Com isso, o acumulado no ano fechou em 4,02%, acima dos 3,43% de igual período de 2013. Em agosto de 2013, a taxa havia sido 0,24%. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira, 5, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Entre as capitais pesquisadas, Fortaleza apresentou a terceira menor variação (0,07%), atrás apenas de  Campo Grande (-0,07%) e Belo Horizonte (-0.,02%). Entre os índices regionais, os maiores foram os de Belém (0,98%) e Vitória (0,91%).

A variação acumulada do ano na capital cearense ficou abaixo da média nacional, apresentando 3,66%.

A inflação em agosto continuou sendo puxada pelo grupo de despesas habitação que, com taxa de 0,94%, respondeu por mais de metade do IPCA. O principal item responsável pela alta do grupo habitação foi o de empregados domésticos, cujo serviço ficou 1,26% mais caro no mês. Energia elétrica também imcpactou o item com variação de 1,76% em agosto.

O IPCA é calculado pelo IBGE desde 1980 e se refere às famílias com rendimento de um a 40 salários mínimos, abrangendo as dez regiões metropolitanas do país, além de Brasília e dos municípios de Goiânia e Campo Grande.
Redação O POVO Online

TAGS