PUBLICIDADE
Notícias

Produção de embalagem cai 0,73% no 1º semestre

12:10 | 19/08/2014
A produção de embalagens da indústria brasileira recuou 0,73% no primeiro semestre de 2014 na comparação com o mesmo período do ano anterior, de acordo com pesquisa da Fundação Getulio Vargas (FGV) encomendada pela Associação Brasileira de Embalagem (Abre) e divulgada nesta terça-feira, 19. A queda está mais concentrada no segundo trimestre, quando a produção recuou em dois dos três meses.

 O montante reforça a tendência de fraco crescimento registrada pelo setor nos últimos anos e as expectativas de desaceleração para o ano de 2014. A perspectiva é de que a produção de embalagens se mantenha estável ou varie 0,7% negativamente em relação ao ano passado. A previsão no início deste ano era de crescimento de 1,5%.

 Nas projeções do coordenador de Análises Econômicas da FGV, Salomão Quadros, o valor da produção do setor de embalagens deve somar R$ 56 bilhões ao final de 2014, ante R$ 51,8 bilhões gerados pela indústria em 2013.

 Das cinco classes de materiais pertencentes ao setor de embalagens, apenas as embalagens metálicas apresentaram crescimento da produção, de 5,92%. As outras quatro - papel, plástico, vidro e madeira - apresentaram variação negativa, com destaque para madeira, que recuou 22,44%.

TAGS