PUBLICIDADE
Notícias

Demanda por crédito subiu 11,7% em julho ante junho

15:40 | 06/08/2014
A quantidade de pessoas que buscaram crédito no Brasil aumentou 11,7% em julho na comparação com junho, mas recuou 10,2% ante o mesmo mês do ano passado, de acordo com o indicador de Demanda do Consumidor por Crédito, divulgado nesta quarta-feira, 6, pela Serasa Experian. Com o resultado, a demanda por crédito no País acumula queda de 6,2% nos sete primeiros meses do ano.

Em nota enviada à imprensa, economistas da Serasa explicam que a alta em julho em relação a junho é consequência da menor quantidade de feriados e paralisações no mês passado, após o encerramento da fase de grupos da Copa. Ponderam, contudo, que o recuo ante julho de 2013 mostra que o consumidor ainda continua "relativamente retraído", em razão das condições "adversas" da economia deste ano.

Na análise por renda, o indicador mostra que as maiores altas na busca por crédito em julho ocorreram nas faixas de renda mensal de até R$ 500 e de R$ 500 a R$ 1 mil, que tiveram crescimento idêntico de 11,9% na comparação com junho. Em seguida, aparecem os consumidores que ganham entre R$ 1 mil e R$ 2 mil por mês e os que recebem mais de R$ 10 mil, ambos com alta de 11,7%.

Já aqueles que ganham entre R$ 2 mil e R$ 5 mil mensais e os que recebem entre R$ 5 mil e R$ 10 mil aumentaram suas demandas por crédito em 11,1% e 10,8%, respectivamente. A pesquisa mostra ainda que, entre as regiões do País, o Nordeste teve o maior avanço (14,6%) na busca por crédito em julho ante junho, seguido por Norte (12,8%) e Centro-Oeste (12%), Sudeste (11%) e Sul (10,1%).

TAGS