PUBLICIDADE
Notícias

Roche nega interesse em aquisições no setor, diz CEO

07:30 | 19/07/2014
A companhia suíça Roche não está interessada em fazer grandes aquisições e continuará focada em comprar grupos menores e fazer parcerias para ampliar os negócios de diagnósticos e as operações farmacêuticas, informou Severin Schwan, executivo-chefe da empresa, em entrevista publicada neste sábado pelo jornal Finanz und Wirtschaft.

A Roche, cuja sede fica em Basel, na Suíça, se limitou a fechar apenas acordos pequenos desde que adquiriu, em março de 2009, a fatia que ainda não possuía da Genentech. "Estamos certamente vendo uma consolidação na indústria farmacêutica, e minha teoria é de que em alguns anos serão bem sucedidas as fabricantes inovadoras ou capazes de produzir medicamentos mais baratos", afirmou Schwan à publicação.

De acordo com ele, a companhia não tem interesse em potenciais vantagens fiscais decorrentes de grandes aquisições. "E vamos examinar primeiramente se o produto ou tecnologia tem potencial de melhorar nossos padrões de terapia ou se encaixa em nossos negócios", acrescentou o executivo-chefe da Roche.

As declarações de Schwan surgem depois do anúncio na sexta-feira de que a gigante norte-americana AbbVie comprou a britânica Shire por cerca de US$ 54 bilhões, em uma transação destinada a reduzir a carga tributária. E no começo da semana, a Mylan revelou planos de adquirir a divisão internacional de medicamentos genéricos da Abbott Laboratories por US$ 5,3 bilhões. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS